Cura da Catedral

12421657_992398724151759_759798883_n

Pe. Edilson Medeiros de Barros

Nasceu em 01 de Novembro de 1969 em Paraíba do Sul-RJ, filho de Edyr Rodrigues Barros (falecido) e Zenilda Medeiros de Barros. Irmão de Maria das Graças, Maria Angélica, Márcia Aparecida e Luciana.Foi Batizado no Santuário do Senhor Bom Jesus de Matozinhos, em sua Cidade, pelo Pe. Luís Raimundo (falecido).


Na Igreja Matriz de sua cidade, Pe. Edilson recebeu a Primeira Eucaristia e imediatamente tornou-se Coroinha do então Pároco, Pe. João José da Rocha, de veneranda memória. Mais tarde, já Crismado, exerceu vários Ministérios e Serviços na Igreja: Coordenador de Grupos de Jovens, Membro de Conselho Pastoral, Catequista e Coordenador da Catequese (com uma Equipe exemplar) e Ministro Extraordinário da Eucaristia.

Formação Intelectual: No Colégio Maria Zulmira Torres fez todo o Ensino Fundamental.Concluiu o Ensino Médio no Colégio Cenecista Sul Paraibano, formando-se Profissional Pleno em Contabilidade e participou, como Ex-Aluno, da Diretoria do CNEC Setor Local, em 1991 quando este reestruturava a Administração do Colégio.

No ano de 1992 acolhido pelo Bispo Diocesano de Valença, Dom Elias, iniciou seus estudos no Seminário São José, Rio Comprido, Rio de Janeiro. Na ocasião, fez estágio pastoral na Paróquia de São José da Lagoa com o Cônego Lúcio Veleda. Trabalhava com a Pastoral do Batismo.

No ano de 1993, acolhendo o pedido da Diocese, faz uma experiência de formação mais popular e de acordo com a realidade de nossa Região.No Seminário Paulo VI, em Nova Iguaçu, concluiu o Curso de Filosofia e fez todo o Curso de Teologia. Colaborou na Secretaria do Seminário, na formação de leigos em algumas Paróquias da Baixada Fluminense e lecionou Metodologia Pastoral no Curso de Teologia para Leigos, no Seminário.

Neste tempo, fez estágios pastorais em Paraíba do Sul com o Pe. Pedro Higino que o enviou ao Seminário e com o Pe. Argemiro, na Catedral de V alença, e passou dois meses em Vila Isabel, Três Rios, na Paróquia de Santa Luzia. Ainda nessa época, a Diocese o convidou para ser o Coordenador da Pastoral do Batismo, função que exerce até hoje.Além de coordenar os trabalhos das Diretrizes para o Batismo de Crianças, ajudou a implantar o Ministério Extraordinário do Batismo.

Chegou em Conservatória e Santa Isabel do Rio Preto no ano de 1995 integrando a Equipe Missionária do Pe. Medoro. Atuou em várias pastorais e serviços. Mais tarde, recebeu os Ministérios do Batismo e Testemunha Qualificada para o Matrimônio.

Em 1996, recebeu os Ministérios de Leitor e Acólito. O Diaconato veio em 1997 e com ele novas responsabilidades. Na Diocese, foi chamado para assessorar a Dimensão Ecumênica, passando a integrar a Coordenação de Pastoral.

Ano de 1998: no dia 03 de maio, na Matriz de São Pedro e São Paulo, numa grandiosa festa preparada pelos Frades Conventuais de Paraíba do Sul, foi ordenad o Presbítero (Padre). Escolheu como lema presbiteral; “Eu conheço as minhas ovelhas“. Naquele mesmo dia, à noite, celebrou sua Primeira Missa na Matriz. Desde que se ordenou, é membro do Conselho Presbiteral. Mais tarde, tornou-se membro do Colégio dos Consultores. Foi o responsável pelo Primeiro Anuário Diocesano, já na segunda Edição. Substituiu o Padre Medoro como Pároco de Conservatória e Santa Isabel.

Foi o Coordenador Diocesano de Pastoral por oito anos, em substituição ao Frei Vitalino, franciscano que trabalhou na Diocese na região de Paty do Alferes. Atualmente é Reitor do Seminário Menor Propedêutico, Pároco da Catedral de Nossa Senhora da Glória em Valença, Chanceler da Cúria Diocesana e Vigário Episcopal da Região I da Diocese.

 

Pin It